sexta-feira, 8 de novembro de 2013

“ ...Transformados de glória em glória...”  

  Tudo passa por um processo de mudança nesta vida.   Olhe para trás e analise.   Pegue suas fotos e repare. Note, que as ruas de terra  foram  asfaltadas.  Veja aquele menino, diz alguém, ainda ontem era  um  bebê! Por que, algumas das pessoas que amamos, partem desta vida? Por que o tempo parece voar?  Já vi pessoas dizerem: Ah! Se eu pudesse voltar o tempo? Bem disse o poeta: Águas passadas não movem moinhos! E eu que queria fazer dezoito anos,  já passei dos trinta...  O mundo dá muitas voltas! Isto é coisa do passado.
     Você já se deu conta de que nossas vidas se esvaem a cada segundo? Muitos lutaram contra o tempo, e todos perderam. Sabe, a vaidade de muitos lhes ofuscou a visão. Temem que o espelho lhes  surpreenda
 amanha  com uma nova ruga. Que desperdício de vida!  O tempo não pode ser encarado desta forma.  Afinal de contas, quem nunca trocou o calendário da parede? Façamos do tempo, nosso amigo!  Sigamos em frente!
      Todos devem ter visto  um  dia,  o  processo  que  a  lagarta  têm  de  passar  para  tornar-se  uma  borboleta.
      Divide-se, normalmente, este processo, em 4 fases:
  1. Ovo, Lagarta
  2. Fase jovem, Crisálida (casulo)
  3. Transformação e Borboleta
  4. Fase adulta
      Quem vê uma borboleta multicolorida, muitas vezes se esquece do processo de transformação a qual ela passou. A transformação é parte fundamental da beleza destes insetos.
      Você sabia que todos nós passamos pelo processo  transformatório?  Infância, adolescência, e maturidade fazem parte do processo de transformação. Porém, infelizmente, são muitos os que, por uma  questão  de insensatez,   tornam  este  processo   um  verdadeiro  drama, e,  infelizmente,   sufocam-se   em  seus  casulos   existenciais, tornando suas vidas,  nada mais do que uma erva  que  nasce ,  cresce,  e  murcha ,  restando-lhes  somente o triste e solitário fim.
       Não é este o plano do Criador para você. Assim como as borboletas Ele têm um plano de  transformação para você. Não é sem sentido o rastejar da lagarta, muito menos seu casulo, todos estes processos fazem parte da transformação para o estágio final,  chamado:  O vôo!
       Deus, quando te fez, visava algo semelhante a teu respeito. Todos já rastejamos, de uma forma ou  de outra nesta vida.  O problema está no casulo. Muitos se sentem sufocados dentro dele.  Por isso desistem.  Acomodam-se, rendem-se a dificuldade. Morrem, sem se quer sentir a brisa, projetada pelo vôo, na face. Deus não quer que você fique emaranhada nas coisas desta vida,  ele têm um plano  infinitamente  maior  para  você.
       Olhe para cima! Acredite! Jesus te ama e morreu para  que  você  e  eu  fossemos  livres. Livres do  casulo  do  pecado  e  do egoísmo. Livres de nós mesmos. Para a lagarta, o prazer  de sua vida, é  quando  ela se vê  pelos bosques a voar livremente. Para o homem, é quando ele se encontra com seu Criador e lhe chama de Pai. A promessa de Deus para nós é de transformação constante.    É um processo de glória em glória. Não têm fim, porém, como a borboleta, também poderemos voar, não como insetos, mas como anjos do céu , não  em  um bosque florido, mas no lar celestial, onde só os que  estão  em  Cristo  voarão,  não  porque  merecemos,  mas  porque Ele rasgou o véu do casulo do pecado , para que por Ele,  habitássemos nas alturas. Deixe a luz do Pai Celeste refletir  em você. Aproxime-se Dele por meio de Cristo, e verás que, tal  qual  uma borboleta multicor reflete o brilho do sol em suas asas, refletirás também, a este mundo , o brilho de Deus em sua vida.

“Ora , o Senhor é Espírito; e onde está o Espírito do Senhor , aí há liberdade. Mas todos nós, com  o  rosto descoberto, refletindo, como um espelho, a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória, na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor”
II Coríntios 3:17,18

 No amor de Cristo, que me faz andar de glória em glória,      

           Pr. Alexandre Nascimento

Sem comentários:

Enviar um comentário